DE TUDO VAI ROLAR

Viver e Curtir a cidade, gastando pouco ou quase nada! (By Ney Mourão) Siga o instagram: blogdetudovairolar – Aos Sábados, às 10h, 14h, 16h e 18h, dicas nacionais, pela RÁDIO 107 Ativa na Web (Baixe o aplicativo na Play Store ou ouça em https://www.radios.com.br/aovivo/107-ativa/65889)

Documentário aborda o Carnaval de rua de BH

Este post foi publicado, originariamente, em janeiro de 2016. Dois carnavais já se passaram, desde então. A razão dele estar sendo republicado foi um encontro mágico. Uma pessoa envolvida em sua produção (não sei se ela se importaria que eu dissesse seu nome), disse-me da importância deste texto, de como ele foi marcante e significativo para ela. Ouvir isso, e receber um abraço afetuoso e carregado de uma energia indescritível, também me foi marcante, belo, relevante, em face de diversas vivências pessoais que , nesse momento, enfrento. Parece que, de alguma forma, o Universo tem-me dito que preciso estar atento ao que faço e digo, como fonte de inspiração, motivação, encontro. Decidi republicar. Intuí que, talvez, o texto e o curta-metragem chegarão com essa energia boa, solar, para outras pessoas. Que a energia daquele abraço bom de hoje se espalhe, como os acordes de uma linda bateria.  

Já está no ar, disponível no Youtube, o curtametragem “BH no Ritmo da Luta”. Para os amantes do Carnaval de Rua de BH e para os que compreendem o real significado desta retomada histórica, é um filme pra assistir com lenço de papel na mão, pois é lágrima de emoção, na certa! No documentário, os depoimentos são anônimos, mas reconhecer a cidade, rostos e vozes amigos, identidades que qualquer carnavalesco de BH consegue apontar às dezenas, quando vê, é uma experiência não só estética, mas afetuosa. Reconhecer a importância da luta – cotidiana e extemporânea a quatro dias…

Em 17 minutos de vídeo, a diretora Dandara Andrade, de 27 anos, explica como tudo começou e que força levou à retomada da festa. Com um viés altamente político, como não poderia deixar de ser, em uma abordagem real desse Carnaval único, o curta traz imagens inesquecíveis, como o desfile do Pena de Pavão de Krishna, o mar rosa e dourado do Então, Brilha, ou a deliciosa “ocupação” dos Filhos de Tcha Tcha no Isidora.

Recomendadíssimo. Você, de BH, pode até encontrar-se nas imagens. E quem ainda não foi “encontrado” por esse Carnaval, vale a pena deixar-se levar. Assista:

BH no ritmo da Luta

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Informação

Publicado às 4 04America/Sao_Paulo junho 04America/Sao_Paulo 2017 por em Carnaval 2016, Cinema e marcado , .
%d blogueiros gostam disto: